Objetivos

O técnico em Exercício Físico e Saúde coordena, organiza, planifica, implementa e conduz tecnicamente, de forma autónoma ou sob orientação, programas de exercício físico adequados às características da população-alvo, que visem a promoção da saúde e da condição física e psicossocial, desenvolvidos em instalações desportivas e outros contextos institucionais, avaliando a qualidade dos serviços prestados e incrementando a adesão à prática de exercício físico, com vista à aquisição de estilos de vida saudáveis.

Disponível em

Vila Nova de Gaia

if_3_avatar_2754579

Carlos Monteiro

Coordenador
CTeSP de Exercício Físico e Saúde

Disponível em

Viseu

UC – 1º Ano CH  ECTS
 Língua Portuguesa  50 TP  3
 Psicologia do Desenvolvimento  40 TP  3
 TIC  30 TP  2
 Anatomofisiologia  20 TP | 30 PL  5
 Biomecânica  40 PL  5
 Fisiologia do Exercício  10 TP | 30 PL  4
 Primeiros Socorros e Reanimação  10 TP | 20 PL  2
 Pedagogia do Exercício  10 TP | 20 PL  3
 Língua Inglesa  50 TP  3
 Teoria e Metodologia do Treino  10 TP | 40 PL  4
 Saúde Pública e Atividade Física  10 TP | 20 PL  2
 Cinesiologia  10 TP | 30 PL  4
 Avaliação e Prescrição do Exercício  10 TP | 40 PL  4
 Aprendizagem e Desenvolvimento Motor  20 TP | 20 PL  3
 Atividades de Grupo  10 TP | 40 PL  3
 Atividades de Musculação e Cardiofitness  10 TP | 40 PL  3
 Atividade Física com Populações Específicas I  10 TP | 30 PL  3
 Saúde, Funcionalidade e Incapacidade  30 TP | 10 PL  4
UC – 2º Ano CH  ECTS
 Estatística  40 TP  4
 Ética e Deontologia  10 TP | 20 PL  3
 Empreendedorismo e Gestão  30 TP  2
 Qualidade de Serviços, Vendas e Técnicas de Negociação  10 TP | 30 PL  2
 Atividade Física com Populações Específicas II  10 TP | 30 PL  3
 Atividades em Meio Aquático  10 TP | 30 PL  3
 Atividades de Body & Mind  10 TP | 40 PL  3
 Atividades Outdoor Fitness  10 TP | 40 PL  3
 Ergonomia e Postura  10 TP | 30 PL  4
 Psicologia do Exercício e Coaching  10 TP | 30 PL  3
 Estágio I  350 SE  15
 Estágio II  350 SE  15

Legenda: T- Teórica; P- Prática, TP- Teóricas/Práticas, PL- Práticas e Laboratório, SE- Seminário/Estágio, UC- Unidade Curricular, CH- Carga Horária, ECTS- Créditos ECTS

Requisitos de Acesso

O ingresso no Curso Técnico Superior Profissional (CTeSP) pode ser realizado através de um dos seguintes contingentes:

  • Titulares de um curso de ensino secundário ou de habilitação legalmente equivalente;
  • Aprovados nas provas especialmente adequadas destinadas a avaliar a capacidade para a frequência do ensino superior dos maiores de 23 anos, realizadas, para o curso em causa, nos termos do Decreto–lei n.º 64/2006, de 21 de março;
  • Titulares de um diploma de especialização tecnológica, de um diploma de técnico superior profissional ou de um grau de ensino superior; ou
  • através do concurso Mudança de Par Instituição/Curso.

Obtenção de Diploma

A conclusão do CTeSP em Exercício Físico e Saúde confere um Diploma de Técnico Superior Profissional, através de um plano curricular constituído por 120 créditos ECTS obrigatórios, no qual são conferidos os conhecimentos e competências necessárias para: 

  • Avaliar de forma integrada a aptidão física e os aspetos posturais dos indivíduos;
  • Projetar, acompanhar e orientar tecnicamente programas de atividades físicas e desportivas de acordo com a aptidão física dos indivíduos;
  • Implementar e supervisionar programas de exercício físico, previamente estabelecidos, a populações específicas com diversas patologias relacionadas com a postura, o sedentarismo e o envelhecimento;
  • Organizar e conduzir tecnicamente, no âmbito do funcionamento das instalações desportivas, associações ou outras instituições públicas ou privadas, as atividades físicas, desportivas e eventos na área da manutenção/promoção da condição física e psicossocial nelas desenvolvidas;
  • Conceber e implementar estratégias promotoras de estilos de vida saudáveis, através de programas de atividade física e desportiva em diferentes contextos;
  • Avaliar a qualidade dos serviços prestados, bem como propor ou implementar medidas visando a melhoria dessa qualidade, regendo-se pelo código de ética;
  • Coordenar a implementação de programas de adesão e fidelização de praticantes;
  • Gerir e supervisionar a implementação de planos de manutenção e organização do espaço e dos equipamentos, nas instalações desportivas que prestam serviços na área da manutenção da aptidão física, em associações, clubes ou noutras instituições públicas ou privadas;
  • Gerir, coordenar e implementar medidas de prevenção e de segurança, inerentes às atividades físicas e desportivas desenvolvidas nos diferentes contextos.

Saídas profissionais

Os técnicos em Exercício Físico e Saúde podem desempenhar as atividades previstas no seu perfil profissional em:

  • Clubes desportivos e de saúde;
  • Ginásios;
  • Clínicas de bem-estar;
  • Instituições de acolhimento de idosos;
  • Instituições de acolhimento a indivíduos com necessidades especiais;
  • Creches e escolas;
  • Agências de viagens e operadores turísticos;
  • Hotéis e resorts;
  • Cruzeiros;
  • Estâncias termais;
  • Câmaras municipais.

 

Estatuto profissional

A qualificação permite o acesso à profissão de Técnico em Exercício Físico e Saúde.

Escola Superior de Saúde Jean Piaget de Vila Nova de Gaia

em associação com Instituto Politécnico Jean Piaget do Sul – Escola Superior de Educação Jean Piaget de Almada

Registado pela DGES. Aguarda publicação em DR.

Escola Superior de Saúde Jean Piaget de Viseu

em associação com Instituto Politécnico Jean Piaget do Sul – Escola Superior de Educação Jean Piaget de Almada

Registado pela DGES. Aguarda publicação em DR.

2 Anos, 4 Semestres

 

Acesso a outros ciclos

Os titulares de um diploma técnico superior profissional podem candidatar-se a um 1.º ciclo de estudos (Licenciatura) através do concurso especial (alínea c) do número 2 do artigo 3.º do Decreto-Lei n.º 113/2014, de 16 de julho.

 

Área de estudo

Desporto

 

Regras de avaliação

A avaliação dos estudantes visa apurar o seu aproveitamento em termos da evolução dos conhecimentos e da aquisição de competências definidos no programa das unidades curriculares.

A avaliação em cada unidade curricular pressupõe métodos e instrumentos adequados aos seus objetivos, características e conteúdos ministrados, sendo realizada de acordo com o Regulamento de Frequência e Avaliação em vigor. Em termos gerais, existem duas modalidades de avaliação: a avaliação contínua em que se avalia toda a prestação do estudante ao longo do semestre/trimestre/ano – participação nas atividades realizadas na unidade curricular, trabalhos individuais e em grupo, provas orais e escritas, entre outros; e a avaliação por exame, a qual avalia apenas a prestação do estudante no exame realizado.

EXERCÍCIO FÍSICO E SAÚDE

Os técnicos em Exercício Físico e Saúde podem desempenhar funções em:

  • Clubes desportivos e de saúde
  • Ginásios
  • Clínicas de bem-estar
  • Instituições de acolhimento de idosos
  • Instituições de acolhimento a indivíduos com necessidades especiais
  • Creches e escolas
  • Agências de viagens e operadores turísticos
  • Hotéis e resorts
  • Cruzeiros
  • Estâncias termais
  • Câmaras municipais

TENS DÚVIDAS? ENVIA-NOS UMA MENSAGEM!