Objetivos

Pretende-se que o profissional pós-graduado em Geronto-Geriatria tenha competências para elaborar e intervir em projetos que promovam o envelhecimento ativo — mais funcional e independente — bem como para contribuir para um sistema de informação eficaz e eficiente que permita a monitorização do idoso na comunidade.

Ao longo do semestre, prevê-se a aquisição de conhecimentos sobre:

  • o processo de envelhecimento;
  • a psicossociologia do idoso;
  • a intervenção em cuidados continuados e de assistência domiciliar;
  • o conceito de promoção de qualidade de vida no envelhecimento e programas a implementar;
  • a gestão de serviços de apoio a idosos;
  • higiene e segurança em estabelecimentos de apoio a idosos.

E para além disso, adquirir competências para realizar auditorias internas a Sistemas de Gestão de Segurança Alimentar (ISO 22000).

Disponível em

Valpaços

Ana Cristina Caramelo

Coordenadora
Pós-graduação de Geronto-geriatria

Escola Superior de Saúde Jean Piaget em Viseu

  • 5 meses • 30 Créditos ECTS
  • Regime de b-learning: 64% da carga horária online e 36% da carga horária em regime presencial (aulas lecionadas em Valpaços)

 

Área de estudo

  • Ciências da Saúde

 

Regras de avaliação

A avaliação dos estudantes visa apurar o seu aproveitamento em termos da evolução dos conhecimentos e da aquisição de competências definidos no programa das unidades curriculares.

A avaliação em cada unidade curricular pressupõe métodos e instrumentos adequados aos seus objetivos, características e conteúdos ministrados, sendo realizada de acordo com o Regulamento de Frequência e Avaliação em vigor.

Em termos gerais, existem duas modalidades de avaliação: a avaliação contínua em que se avalia toda a prestação do estudante ao longo do semestre/trimestre/ano – participação nas atividades realizadas na unidade curricular, trabalhos individuais e em grupo, provas orais e escritas, entre outros; e a avaliação por exame, a qual avalia apenas a prestação do estudante no exame realizado.

Perfil de saída

Os detentores do certificado de pós-graduação em Geronto-geriatria poderão desempenhar funções em serviços de apoio às pessoas idosas tais como:

  • entidades e organismos públicos ou privados;
  • autarquias;
  • IPSS;
  • lares;
  • juntas de freguesia;
  • empresas de turismo sénior;
  • prestação de serviços de consultoria.
UC – 1º Semestre           CH  ECTS
 Fundamentos de Geronto-geriatria  13 T 3
 Intervenção em Cuidados Continuados e Assistência Domiciliar  12 T | 8 TP 5
 Saúde e Qualidade de Vida no Envelhecimento  6 T | 14 TP 4
 Gestão, Higiene e Segurança dos Serviços de Apoio a Idosos  6 T | 14 TP 5
 Novas Tecnologias de Apoio aos Idosos  6 T | 14 TP 4
 Psicopatologia do Envelhecimento e Estratégias de Intervenção  6 T | 14 TP 4
 Seminários e Projeto  14 TP | 10 SE | 6 OT 5

Legenda: T- Teórica, TP-Teóricas/ Práticas, PL- Práticas e Laboratório, OT- Orientação Tutorial, SE- Seminário/Estágio, UC – Unidade Curricular, CH Carga Horária, ECTS – Créditos ECTS

Requisitos de acesso

Detentores do grau de Licenciado, ou equivalente legal, numa das seguintes áreas: Fisioterapia, Enfermagem, Gerontologia, Medicina, Serviço Social e outras áreas afins.

O Conselho Técnico-Científico poderá aceitar a admissão à candidatura de detentores de um currículo escolar, científico ou profissional, aos quais seja reconhecida capacidade para a realização desta pós-graduação.

Obtenção de Diploma

Para a conclusão da pós-graduação em Geronto-geriatria, o estudante cumprirá um plano curricular constituído por 30 créditos ECTS obrigatórios.

No final da formação os formandos devem estar aptos a:

  • compreender o idoso como um todo e a sua nova imagem social;
  • saber enquadrar a sua prática no contexto social do idoso (família e outra rede social);
  • saber fazer uma avaliação global do idoso;
  • saber elaborar e intervir em programas para um envelhecimento ativo, tornando o idoso mais funcional e independente;
  • contribuir para um sistema de informação eficaz e eficiente, que permita uma monitorização do envelhecimento e do idoso numa comunidade;
  • compreender as principais diretrizes para a gestão das organizações prestadoras de serviços a idosos;
  • reconhecer a importância da segurança e higiene no trabalho como fator de qualidade nos equipamentos para a terceira idade;
  • proporcionar apoio/formação no desenvolvimento de competências em cuidadores de idosos.

TENS DÚVIDAS? ENVIA-NOS UMA MENSAGEM!