Objetivos

  • Ampliar a identidade do profissional de educação, face à especificidade da educação de crianças dos 0 aos 3 anos;

  • Aprofundar os conhecimentos teórico-práticos respeitantes ao trabalho de conceção, implementação, gestão, supervisão e atuação direta com crianças em creche;

  • Dotar os profissionais de conhecimentos especializados para, quotidianamente, intencionalizar a ação educativa, numa articulação permanente com a equipa, a família e a comunidade;

  • Potenciar o desenvolvimento de projetos de investigação-ação centrados na inovação e eficácia das práticas pedagógicas com crianças dos 0 aos 3 anos.

Disponível em

Almada

Prof.ª Cristina Gonçalves, Coordenadora do Mestrado de EducaCONTACTOS_Instituto Piagetção Pré-Escolar

Cristina Gonçalves

Coordenadora
Pós-Graduação em Intervenção Educativa em Creche
UC – 1º Semestre
CH
 ECTS
 Envolvimento Parental
 16 TP | 10 PL | 4 OT
 4
 Intencionalidade Educativa – planear, agir, avaliar
 10 T  26 TP | 4 OT
 7
 Literatura para a infância e Linguagens Artísticas
 16 TP | 10 PL | 4 OT
 3
 Organização do Espaço, Tempo e Materiais
 10 T | 4 P | 26 TP
 6
 Organização, Gestão e Supervisão de Equipas Educativas
 16 TP | 4 OT
 3
 Pedagogia Diferenciada e Intervenção Precoce
 16 TP | 10 PL | 4 OT
 3
 Projeto de Investigação e Ação Educativa com crianças dos 0 aos 3 anos
 20 PL | 20 TC | 10 OT
 8
Psicologia do Desenvolvimento e da Aprendizagem dos 0 aos 3 anos
 10T | 26 TP -|4 OT
 6

Legenda: T- Teórica, TP-Teóricas/ Práticas, PL- Práticas e Laboratório, OT- Orientação Tutorial, TC- Trabalho de Campo, UC – Unidade Curricular, CH Carga Horária, ECTS – Créditos ECTS

Requisitos de acesso

O ingresso na pós-graduação pode ser realizado por licenciados nas áreas da Formação de Professores/Educadores, Ciências da Educação, Ciências Sociais e Humanas.

Poderão ser admitidos outros candidatos detentores de um currículo escolar, científico ou profissional que tenha sido reconhecido, pelo Conselho Técnico-científico, como atestando capacidade para a realização deste curso.

Obtenção de Diploma

Para a conclusão da Pós-Graduação em Intervenção Educativa em Creche, o estudante deverá cumprir um plano curricular constituído por 40 créditos ECTS obrigatórios.

Com a PG em Intervenção Educativa em Creche, os estudantes serão capazes de:

  • Reconhecer a criança dos 0–3 anos como criança plena de direitos, contribuindo para a construção da sua identidade como cidadã, ampliando o seu universo de experiências e conhecimentos;
  • Refletir sobre as finalidades e sentidos das práticas pedagógicas e os modos de organização da intervenção;
  • Conceber planos de intervenção com uma abordagem integrada e globalizante das diferentes áreas de desenvolvimento e aprendizagem da criança;
  • Elaborar e conduzir o projeto educativo de grupo, partilhando, debatendo e refletindo sobre os instrumentos de observação, registo, planeamento e avaliação e a forma como são operacionalizados;
  • Aplicar metodologias ativas de interação e comunicação com os pais/ famílias e membros da comunidade;
  • Planear e avaliar o processo educativo de acordo com o que se observa, regista e documenta sobre o grupo e cada criança, bem como sobre o seu contexto familiar e social;
  • Integrar no planeamento e avaliação formativa da prática educativa os diferentes participantes – crianças, pais/famílias e outros profissionais;
  • Dominar metodologias de conceção e avaliação de projetos de aprendizagem, tendo em conta as características, necessidades e motivações de cada criança, do grupo e do contexto social onde decorre a intervenção;
  • Construir ambientes educativos culturalmente ricos e estimulantes, inclusivos e valorizadores da diversidade;
  • Diferenciar uma visão redutora de brincar, como forma de a criança estar ocupada ou entretida, de uma perspetiva de brincar como atividade rica e estimulante que promove o desenvolvimento e a aprendizagem e se caracteriza pelo elevado envolvimento da criança;
  • Adotar formas de comunicação e estratégias que promovam o envolvimento e facilitem a articulação entre os diversos contextos de vida da criança;
  • Conhecer as condições de desenvolvimento e estratégias de prevenção no âmbito da intervenção precoce para crianças com atrasos de desenvolvimento ou necessidades educativas especiais permanentes;
  • Participar em projetos de investigação centrados na melhoria da qualidade das práticas educativas.

Escola Superior de Educação Jean Piaget em Almada

1 Semestre • 40 Créditos ECTS

 

A Pós-Graduação Intervenção Educativa em Creche visa ampliar e aprofundar, junto de Educadores de Infância e outros profissionais implicados na ação educativa, competências e conhecimentos específicos, para um desempenho profissional de qualidade junto de crianças dos 0 aos 3 anos de idade. A necessidade de organizar contextos educativos de creche, onde se reconheça a criança de 0 a 3 anos como sujeito ativo e participativo na sociedade obriga a repensar as interações educativas e, por conseguinte, a sensibilizar os profissionais para ver, escutar e entender a infância como um tempo humano repleto de possibilidades presentes e não apenas futuras.

 

Área de estudo

Formação de Professores

 

Regras de avaliação

A avaliação dos estudantes visa apurar o seu aproveitamento em termos da evolução dos conhecimentos e da aquisição de competências definidos no programa das unidades curriculares.

A avaliação em cada unidade curricular pressupõe métodos e instrumentos adequados aos seus objetivos, características e conteúdos ministrados, sendo realizada de acordo com o Regulamento de Frequência e Avaliação em vigor. Em termos gerais, existem duas modalidades de avaliação: a avaliação contínua em que se avalia toda a prestação do estudante ao longo do semestre/trimestre/ano – participação nas atividades realizadas na unidade curricular, trabalhos individuais e em grupo, provas orais e escritas, entre outros; e a avaliação por exame, a qual avalia apenas a prestação do estudante no exame realizado.

RAZÕES PARA ESTUDAR INTERVENÇÃO EDUCATIVA EM CRECHE

A Pós-Graduação Intervenção Educativa em Creche visa ampliar e aprofundar, junto de Educadores de Infância e outros profissionais implicados na ação educativa, competências e conhecimentos específicos, para um desempenho profissional de qualidade junto de crianças dos 0 aos 3 anos de idade. A necessidade de organizar contextos educativos de creche, onde se reconheça a criança de 0 a 3 anos como sujeito ativo e participativo na sociedade obriga a repensar as interações educativas e, por conseguinte, a sensibilizar os profissionais para ver, escutar e entender a infância como um tempo humano repleto de possibilidades presentes e não apenas futuras.

FAZ A TUA PRÉ-CANDIDATURA JÁ!